Formulário de Busca

Morre aos 54 anos radialista Agnaldo Nunes

Guina deu entrada na emergência do Hospital Regional de Guanambi (HRG) no dia 21 de outubro, quando foi diagnosticado com trombose e insuficiência renal

Publicado em 15/dezembro/2019 - 06:35
O radialista Agnaldo Nunes morreu na noite de sábado (14), no Hospital Regional de Guanambi.Foto:reprodução Romilson Rodrigues

Sucesso há três décadas na rádio 96 FM de Guanambi e tido por milhares de fãs com um dos maiores locutores sertanejos, morreu, na noite de sábado (14), o radialista Agnaldo Nunes de Araújo, ou simplesmente “Guina”.

Guina deu entrada na emergência do Hospital Regional de Guanambi (HRG) no dia 21 de outubro, quando foi diagnosticado com trombose e insuficiência renal. Nesse período o estado de saúde do profissional só piorou, conforme relatos dos colegas.

Nas redes sociais o colega e radialista Romilson Rodrigues lamentou sua partida, falando do grande legado deixado pelo colega. Romilson afirma na postagem na sua página no Fecebook, que amor sem limites, era o que Guina sentia pela 96 FM.

 “Guina, falando sério, você fez muito bem sua parte aqui entre nós, foram muitos programas, desde o Brasil Sertão, até o Roberto e Convidados que você fazia com Amor Perfeito. Os detalhes e as Emoções passadas para os ouvintes ficaram guardadas para sempre e que neste momento você vá em Paz. Que Jesus Cristo, Nossa Senhora  te acompanhe e saibamos que ,Além do Horizonte existe um lugar tranqüilo”,finaliza Rodrigues.

Guina apresentou por muitos anos o programa Brasil Sertão, na rádio 96 FM, mas conquistou os milhares de fãs apresentado o programa “Roberto Carlos e Convidados”, o qual embalava os corações apaixonados com as músicas do Rei. O comunicador era detentor de uma das maiores audiência também nas manhãs de sábados e ganhou o apelido de Cúpido.

A Prefeitura Municipal de Guanambi emitiu uma nota de pesar pelo falecimento de Guina. Confira;

O prefeito Jairo Silveira Magalhães e o vice-prefeito Hugo Costa, registram com profundo pesar o falecimento do radialista Agnaldo Nunes Araújo, 54 anos de idade, que faleceu no início de hoje (15) no Hospital Regional de Guanambi.


Nesse momento de grande consternação para todos os seus familiares e amigos, não será demais, senão necessário, além de lamentar a sua perda, lhe render as merecidas homenagens pelo relevante trabalho prestado em nossa cidade.


O corpo está sendo velado na residência de seus familiares na Avenida Tiradentes, n°551, Bairro Vila Nova, de onde sairá para seu sepultamento no Distrito de Mutans.


Agnaldo nos deixa, mas viverá para sempre em nossa memória.

Edição:

Comentários

Fretamento

Eventos

Divulgação

‘II Noite da Sofrência’ será realizada em março/2020 em Palmas de Monte Alto

A VSN Produções ganhou bastante credibilidade após a realização da I Noite da Sofrência, que ocorreu em janeiro de 2018 e o ‘1º Arrochanejo”, promovido em maio do mesmo ano.

Enquete

Como você avalia a administração do prefeito de Serra do Ramalho?







Resultado parcial

CBR
© 2010-2018 Folha do Vale - Todos os direitos reservados | WOWF